Os vampiros da Baía secreta

05
Jul 08

Tu és, flor bela...

Flor, dos meus pensamentos.

Não me ligas, e eu protesto...

Contra o teu descaramento.

 

Tu és, nome amado,

eu, nome jogado...

Juntando os dois num só nome,

fica tudo Baralhado.

 

Assim terminam,

os dias mais felizes, da minha vida.

Dou-te, uma flor vermelha,

e beijo-te, na despedida.

 

     Cristóvão Marquez    

        20-04-1981

 

publicado por crimenobairro às 17:35

Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

4 seguidores

comentários recentes
Lindas demais estas suas palavras! Obrigada por es...
http://intervaloparacafe.blogs.sapo.pt está a torn...
Olá,É só para desejar umas Boas Festas e um óptimo...
Quem identificar o pais, que serviu de inspiração ...
esquecemo-nos com frequência, que a determinação t...
Adorei,mesmo,e já a segunda vez que deixo comentár...
Adorei este poema, talvez porque me diga algo rela...