Os vampiros da Baía secreta

05
Jul 08

Na angústia do ser, existe a confissão.

Na perplexidade! Está a emoção.

Ser estranho, faz parte da minha composição.

Angustiante é, não saber perder a razão.

 

Sou um ser, parte do mundo,

onde sempre existe a contradição.

Saber corrigir, é saber que errei...

E pedir perdão! Onde falhei.

 

 Foste musa da minha inspiração,

não nego, essa admiração...

A noite guardou essa recordação,

o dia trouxe a humilhação.

 

Amizade é!.. sentimento

de valor real, sem sofrimento.

É ego da minha existência,

guardar a amizade do conhecimento.

 

Inocentemente!...  Perspicaz,

ao deixar-me na leviandade,

da emoção...

Perder a razão, pelo coração.

 

Cristóvão Marquez    

                       11-06-2007

publicado por crimenobairro às 17:15

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Julho 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

4 seguidores

comentários recentes
Lindas demais estas suas palavras! Obrigada por es...
http://intervaloparacafe.blogs.sapo.pt está a torn...
Olá,É só para desejar umas Boas Festas e um óptimo...
Quem identificar o pais, que serviu de inspiração ...
esquecemo-nos com frequência, que a determinação t...
Adorei,mesmo,e já a segunda vez que deixo comentár...
Adorei este poema, talvez porque me diga algo rela...